Porque você deve jogar Chaos;Child

  Chaos;Child, lançado em 2014 no Japão, é uma visual novel da franquia Science Adventure, todos os jogos da franquia possuem um ";" entre as duas palavras do título, e é composta por Chaos;Head, Steins;Gate, Robotics;Notes, Chaos;Child, Occultic;Nine, Anonymous;Code (que ainda está para ser lançado) e as continuações e spin-offs destes. Apesar de que não seja necessário, já que não é uma sequência direta, recomendo que jogue Chaos;Head antes, pois Chaos;Child é um sucessor espiritual dele, e muitos conceitos usados pelo jogo são bem melhor explicados em Chaos;Head, você vai ficar perdido em algumas coisas, além de spoilers. 

  Além disso, Chaos;Child também recebeu adaptação para anime, porém, não só é mal dirigido, como tentaram adaptar uma visual novel de mais de cinquenta horas em doze episódios e um filme, acho que é óbvio que isso não deu nem um pouco certo. Por isso, caso já tenha visto o anime não desista do jogo, ele é absurdamente melhor que o anime, e se ainda não tiver visto passe longe, ele vai estragar sua experiência com uma das melhores visual novels já feitas.


A História

  Chaos;Child é um jogo de suspense psicológico que se passa na cidade reconstruída de Shibuya, em 2015, seis anos após os acontecimentos de Chaos;Head, onde houve uma série de estranhos assassinatos conhecida como New Generation Madness, e aqui temos uma nova série de assassinatos surgindo que lembra a New Gen, e até mesmo acontece nas mesmas datas, sendo conhecida como o Retorno da New Generation Madness. Takuru Miyashiro, o protagonista, é parte do clube de jornalismo da Hekiho Academy, e procura investigar o Retorno da New Gen, entrando na cena do terceiro assassinato junto com sua amiga de infância, Serika Onoe. 

  Vou tentar falar mais sobre o que acho da história em um contexto geral, mas não importa o que eu escreva aqui, nunca poderei passar um décimo da minha experiência com esse jogo, o qual se tornou meu favorito, é realmente algo especial e qualquer um que goste de murder mistery e se interesse pelo que citei acima precisa dar uma chance e tirar suas próprias conclusões. Chaos;Child tem uma escrita incrível, cheia de momentos e plots impressionantes que realmente fazem bastante sentido, puxam a história pra frente e constroem a mensagem final da obraOs personagens de Chaos;Child são em sua maioria muito interessantes e bem escritos (meu cast preferido), principalmente com as rotas dedicadas a cada heroína. Nessas rotas, cada uma recebe um desenvolvimento incrível, te faz se apegar ainda mais a elas, e apresentam plots que serão necessários para entender o true ending (ao contrário de Steins;Gate, que os finais são meio filler), que conecta e completa os eventos do jogo perfeitamente, assim, tanto o final da rota comum quanto o true ending são os melhores finais que já vi em qualquer obra.


Produção e Gameplay

Chaos;Child provavelmente teve um orçamento grande, o voice acting é incrível, a trilha sonora composta por Takeshi Abo é variada e muito boa, cada música tem algo a acrescentar a cena, seja aumentando a tensão e o mistério ou para passar um clima feliz e relaxado. Além disso, o visual também é muito bom, os desenhos são muito detalhados e funcionam perfeitamente para a situação, seja as CGs (principalmente as CGs gores dos assassinatos), os sprites dos personagens, os objetos ou os cenários. 

  Quanto a gameplay, sendo uma visual novel, o foco é no enredo e a pouca gameplay que tem é para te imergir na história, no caso de Chaos;Child, temos o delusion trigger. Basicamente a gameplay é selecionar qual tipo de desilusão o Takuru terá, uma desilusão positiva, geralmente sendo uma cena de romance, hárem ou comédia; ou uma negativa, geralmente sendo uma cena de terror, assassinato e desespero. Acho o delusion trigger uma mecânica bem interessante e que acrescenta bastante ao jogo, são lotadas de referências, me fizeram rir bastante e me passaram bastante tensão.


Localização da franquia

O quarto e último tópico, mais um motivo pra jogar Chaos;Child é apoiar os produtores e incentivar a localização dos jogos, quanto mais demanda e lucro a Science Adventure tiver no ocidente, mais chance os jogos terão de continuar sendo traduzidos. Assim, se já jogou ou se interessou por algum jogo da franquia, por favor, compre os jogos, dê uma chance pra Chaos;Child. Ou melhor, dê uma chance pros jogos da Sci;ADV, tem muitos jogos incríveis para se experimentar e que podem agradar diversos gostos diferentes, esses jogos merecem muito mais reconhecimento do que tem. E mesmo que não curta o gênero, tente se adaptar, por mais que seja bem diferente do comum, é um gênero bem amplo e criativo, se você tentar pegar algumas obras que tenham uma proposta que te interesse, pode acabar gostando e abrindo diversas possibilidades, eu mesmo não gostava de visual novel, comecei a me interessar mais pelo gênero por causa de Steins;Gate Elite, e hoje o meu jogo favorito é uma Visual Novel.



Coisas que podem te afastar de Chaos;Child

Chaos;Child é um ótimo jogo, porém tem alguns defeitos e eles podem te afastar do jogo, então esteja ciente de alguns deles caso se interesse pelo jogo(isso não deixa de ser minha opinião, então tire suas próprias conclusões quando jogar):

- O começo do jogo é bom, os elementos de murder mistery são ótimos, ele é bem interessante e introduz os conceitos bem, mas é lento (a partir do capítulo três os capítulos começam a ficar menores), e ao longo do jogo ele demonstra problemas de pacing, acho importante que o plot seja trabalhado com calma e seja detalhado, mas algumas mudanças na estrutura dos textos poderia deixar o pacing mais agradável;

- Exposição desnecessária ao longo do jogo;

- A forma que se chega às rotas de cada heroína é bem pouco intuitiva;

- Problemas de tradução, mas isso pode ser resolvido com os patchs de melhorias do grupo Committee of Zero(Também há um para Steins;Gate 0): http://sonome.dareno.me/


Dúvidas frequentes sobre a franquia



Chaos;Child pode ser meu primeiro jogo da Science Adventure?
  Sim, não necessariamente você tem que jogar a franquia em ordem, porém, muitos conceitos vem de jogos anteriores, e vai acabar ficando perdido neles, além de ter alguns spoilers de Chaos;Head ao longo do jogo.

Qual a melhor ordem de se jogar a franquia?
  Nem todos estão disponíveis no ocidente, então entre os que já estão, a melhor ordem é a de lançamento do Japão: Chaos;Head (Fan translation) ⇾ Steins;Gate (ou Elite) ⇾ Robotics;Notes Elite ⇾ Chaos;Child ⇾ Steins;Gate 0 (Também pode ser logo depois de Steins;Gate, mas prefiro assim porque tem referências à série Chaos) ⇾ Robotics;Notes DaSH

O que é Chaos;Head Noah e como posso jogá-lo? 
  Chaos;Head teve problemas e acabou sendo lançado incompleto, o Noah é um relançamento, com seis novas rotas e várias melhorias, nenhuma das versões foram lançadas oficialmente no ocidente, porém, há traduções de fãs para a versão original, e o grupo Committee of Zero está trabalhando em uma tradução e port para o PC do Noah. 

O que é cada Steins;Gate e qual devo jogar? 
  Existem três Steins;Gates, a Visual novel de 2009, que tem um estilo mais tradicional do gênero e a o traço do huke (Ryohei Fuke), Steins;Gate Elite, que é um remake baseado no anime, e Steins;Gate 0, que é uma "continuação" de Steins;Gate. Portanto, jogue a versão de Steins;Gate que preferir, e depois o 0.

O que é Steins;Gate: My Darling's Embrace, Chaos;Head e Chaos;Child Love Chu Chu? 
  Todos são de comédia romântica, My Darling's Embrace é um spin-off não canônico e os Love Chu Chu são continuações canônicas.

Onde estão as openings dos jogos e como posso vê-las? 
  Além de Chaos;Head (que a opening toca após o prólogo), basta esperar no menu que elas irão tocar, porém, recomendo vê-las apenas depois de zerar, pois algumas possuem spoilers que podem estragar sua experiência. No caso de Chaos;Child por exemplo, não veja se estiver jogando no Playstation, pois a opening tem alguns spoilers que podem estragar sua experiência, caso esteja no PC, não se preocupe, pois toca a do Xbox One (a mesma que está anexada no começo desse texto), e ela não tem spoiler.

E quanto aos animes da franquia? 
  Como já falei, o de Chaos;Child é um desastre, porém, ele não é o único, o de Chaos;Head também é terrível, o do Steins;Gate 0 ainda é muito bom, mas pelo que ouvi falar é bem inferior ao original, o de Robotics;Notes ouvi falar que é ok, mas também muito inferior ao original, o único que faz justiça ao original é o de Steins;Gate, porém, ainda considero a novel um pouco melhor.

O que é Occultic;Nine e Anonymous;Code?
  Occultic;Nine não é originalmente uma visual novel, mas sim uma light novel (Tem tradução em inglês oficial), que ainda não está completa, a visual novel receberá um content patch no futuro adaptando o resto, e não faço ideia se o anime é bom. Anonymous;Code é o próximo jogo da franquia a ser lançado, e acredito que teremos mais informações sobre ele esse ano.

Robotics;Notes Elite e DaSH lançam dia 13 de Outubro no ocidente, preciso do resto da franquia para entendê-los? 
  Sim, funciona da mesma forma que Chaos;Child, é uma história independente, mas muitos conceitos vem do resto da franquia. Entretanto, o DaSH se relaciona ainda mais com a Science Adventure, pois tem a participação de Hashida Itaru (Daru) e Nae Tennouji, de Steins;Gate, conversas online com outros personagens, muitos conceitos de Chaos;Head... por isso, não se deve de forma alguma jogá-lo sem os outros jogos.


  Finalizo o texto aqui, espero que tenham gostado da leitura, e por favor, joguem Chaos;Child, a masterpiece mais injustiçada dessa geração. 

Postar um comentário

0 Comentários