Square Enix revela novas informações de Final Fantasy XVI



  Hoje, satisfazendo a falta que muitos sentiam de Final Fantasy XVI, a Square Enix liberou novas informações sobre o jogo, o mundo dele, os personagens, além de novas artes, contando com o site oficial já online. Podemos ter uma visão boa do que esperar desse universo, que pretende renovar a franquia, após tanto tempo conturbada pela Fabula Nova Crystallis.



  O mundo do jogo se chama Valisthea, numa temática medieval, como já tinha sido apresentado no trailer de anúncio do jogo, e com seis reinos revelados, todos abençoados pelos cristais-máter, que proveem éter para as nações, que o utilizam para magia e prosperidade. Os cristais trouxeram paz por muito tempo, mas a chegada de uma praga causa a incerteza na perpetuação dessa paz. Os seis reinos são: Rosaria, Sanbreque, Waloed, Dhalmekia, o Reino De Ferro, e o Domínio Cristalino. Cada um com certas características e políticas, e jeitos diferentes de tratar os Eikons e seus dominantes, elemento chave do universo e da história do jogo.



  Eikon são as versões das summons da franquia desse jogo, porém com a diferença de que cada um reside dentro de um dominante, alguém que nasce com a capacidade de utilizar os poderes dos Eikons. Algumas nações os tratam muito bem, como Rosaria, enquanto outros lugares não os recebem com hospitalidade e os enxergam como monstruosidades, como o Reino De Ferro. E a importância deles para a história será fundamental, já que um dos protagonistas é um dominante.

  Com os personagens mostrados e explicados, finalmente temos o nome de nosso protagonista, além de outras informações sobre ele. Ele se chama Clive Rosfield, o primogênito do arquiduque de Rosaria. Junto dele, também tivemos seu irmão mais novo, Joshua Rosfield, dominante do Eikon da Fênix, e acompanhando ambos está Jill, a confidente dos irmãos, criada com eles, levada de sua terra natal no norte para crescer em Rosaria e estabelecer paz entre as nações inimigas.
(Da esquerda para a direita: Clive, Joshua, e Jill)



  Era esperado de Clive se tornar o dominante do Eikon da Fênix, mas o destino escolheu Joshua. Aos quinze anos, Clive vence o torneio ducal e se torna o Primeiro Escudo de Rosaria com o cargo de proteger a Fênix e ganha o direito de usar parte de seu poder, mas num certo ponto, um Eikon das trevas, Ifrit, põe um fim nessa reta promissora, levando Clive ao seu caminho de vingança que vimos ele jurar no trailer de anúncio.



  O produtor Naoki Yoshida menciona também que tudo que vimos até o momento é apenas uma fração do que o time já desenvolveu. As próximas grandes novidades que teremos serão em 2021, tanto para Final Fantasy XVI, quanto Final Fantasy XIV.

Postar um comentário

0 Comentários